Novo Banco apresenta prejuízos de quase 1,4 mil milhões de euros

Novo Banco apresenta prejuízos de quase 1,4 mil milhões de euros

Novo Banco apresenta prejuízos de quase 1,4 mil milhões de euros

"Em 31 de Dezembro de 2017 estes activos apresentavam um valor líquido de 5,4 mil milhões", conta o banco presidido por António Ramalho.

No comunicado à CMVM, o Novo Banco diz que "os prejuízos apresentados decorreram, fundamentalmente, do reconhecimento de montantes elevados de imparidades, de acordo com as exigências das autoridades europeias por forma a que as instituições bancárias tenham condições de recuperar rentabilidade de uma forma mais rápida e consistente".

O Novo Banco reduziu o número de trabalhadores em 608 no ano passado, segundo as contas de 2017 hoje divulgadas.

O banco refere ainda que recorreu em 791,7 milhões de euros ao mecanismo de capital contingente, acordado aquando da venda ao Lone Star, pelo qual o Fundo de Resolução bancário (sob gestão do Banco de Portugal) ficou de capitalizar o Novo Banco em caso de necessidades de capital em determinadas circunstâncias.

O mecanismo é activado quando o valor dos activos desce abaixo de um determinado patamar e, também, quando os rácios do banco podem ser afectados.

Seo Min-woo, astro do K-pop é encontrado morto em casa
Segundo comunicado oficial de seus representantes, o músico foi encontrado inconsciente em sua casa, em Gangnam, Coreia do Sul . A banda foi formada em 2012, e eles lançaram quatro singles e quatro EPs, que sempre chegaram no top 5 das paradas coreanas.

Lei que regulamenta o transporte por aplicativos entra em vigor
O texto, que já tinha passado pelo Senado, foi aprovado pelos Deputados, em 28 de fevereiro e encaminhado para sanção presidencial.

Suprema Corte do Brasil adia julgamento de Lula
Caso ela vote pela concessão do habeas corpus , o placar continuaria empatado, mas nesse caso Lula seria beneficiado. E com isso, seguirá candidato, tentará os recursos possíveis e, no limite, apresentará um candidato substituto.

O Fundo de Resolução terá que injectar 792 milhões de euros no Novo Banco. Do lado dos custos houve uma descida de mais de 7% para 549,2 milhões de euros. Já exercício terminou com um rácio de capital CET1 phased-in de 12,8% e um rácio de solvabilidade de 13%.

É o maior rombo de sempre desde a queda do banco do Grupo Espírito Santo e implica um empréstimo do Estado ao Fundo de Resolução.

O banco registou mais de dois mil milhões de euros em imparidades.

Os resultados de operações financeiras subiram 45,2%, beneficiados pelo valor apurado na compra e reembolso antecipado de obrigações, bem como com a venda e reavaliação de títulos de dívida pública.

O Novo Banco (criado em Agosto de 2014 para ficar com os activos considerados menos problemáticos do ex-BES) pertence desde Outubro ao fundo de investimento Lone Star, que detém 75%, mantendo o Fundo de Resolução bancário os restantes 25%. Este valor, segundo disse hoje o presidente do banco já inclui os 791,7 milhões de euros que virão do Fundo de Resolução Bancário.

Related news