Vaga de frio bate recordes e congela tubarões nos EUA

Vaga de frio bate recordes e congela tubarões nos EUA

Vaga de frio bate recordes e congela tubarões nos EUA

Chegando ao abaixo de zero em grande parte do país, as baixas temperaturas provocaram a morte de pelo menos três pessoas como consequência destas condições meteorológicas nos estados de Wisconsin e Dakota Norte.

Governadores de vários estados, como a Florida e a Carolina do Norte, já declararam estado de emergência.

São consequências de uma tempestade rigorosa que está a varrer os Estados Unidos e as previsões do estado do tempo são para que piore.

Segundo a organização não-governamental Atlantic White Shark Conservacy, os tubarões morreram encalhados devido a um choque térmico causado pelo frio, provocando uma paragem respiratória aos animais.

Ainda devido ao frio, quatro pessoas morreram no fim de ano no país. Nos últimos dias, foram registadas três mortes de tubarões devido às baixas temperaturas que se fazem sentir no país.

Superávit 'positivo' da balança comercial teve alta também das importações
Com acordos comerciais e facilitação de exportações, o Brasil alcançou vendas recordes de veículo de passageiros para o exterior. O superávit comercial foi de US$ 67 bilhões. "O superávit de 2016 se deu muito pela queda das importações", afirmou.

Jorge Jesus espera ganhar o dérbi do "desempate"
Quando os resultados não são tão positivos, a pressão é um pouco mais difícil de controlar, mas isso faz parte. O Benfica-Sporting, a contar para a jornada 16 do campeonato, realiza-se esta quarta-feira, às 21h30.

J Balvin hace parte de las canciones favoritas del 2017 de Obama
A través de su cuenta de Instagram, Balvin respondió con un "Gracias, señor Presidente" a la publicación de Obama . Obama también ovacionó el libro " Coach Wooden and Me " del exastro del basquetbol Kareem Abdul-Jabbar.

Esta terça-feira, segundo a Renascença, foram registados novos mínimos.

Em 2 de janeiro foram registradas temperaturas mínimas que quebraram recordes mantidos durante décadas, como o da cidade de Dayton, em Ohio, onde os 25 graus abaixo de zero ultrapassaram a marca prévia de 1898.

O Serviço Nacional de Meteorologia (NWS) postou no Twitter uma publicação que alerta para a massa de ar do Ártico, que "vai continuar forte sobre os dois terços mais a Leste do país até ao final da semana".

O NMS previu que, de hoje até amanhã, o litoral leste - desde a Flórida até Maine - terá fortes chuvas e nevascas e pediu que os habitantes evitem viajar por estrada porque são previstos "consideráveis problemas para deslocamento".

Related news