China aumenta restrições ao comércio com a Coreia do Norte

China aumenta restrições ao comércio com a Coreia do Norte

China aumenta restrições ao comércio com a Coreia do Norte

Atualmente, segundo a BBC, existem 33 linhas de comunicação entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul: cinco para comunicações diárias, 21 para conversas intercoreanas, duas para questões de tráfego aéreo, duas para questões marítimas e mais três para questões conjuntas de cooperação económica.

O encontro vai realizar-se em Panmunjom, aldeia na fronteira entre os dois vizinhos, onde foi assinado o armistício da Guerra da Coreia (1950-53).

"Na agenda do encontro será sobre a participação do Norte nos Jogos de Inverno de PyeongChang, bem como a melhoria em termos gerais dos laços entre as duas Coreias", acrescentou.

O exército sul-coreano não detectou nenhuma indicação de que a Coreia do Norte possa fazer um novo lançamento de mísseis em breve.

No final da quinta-feira, o presidente sul-coreano Moon Jae-In e o presidente dos EUA Donald Trump concordaram em adiar exercícios militares conjuntos - que sempre enfurecem o Norte - até após as Olimpíadas de Inverno em Pyeonchang, que terá início em 9 de fevereiro. Para já, ainda não se sabe quem participará na reunião.

Superávit 'positivo' da balança comercial teve alta também das importações
Com acordos comerciais e facilitação de exportações, o Brasil alcançou vendas recordes de veículo de passageiros para o exterior. O superávit comercial foi de US$ 67 bilhões. "O superávit de 2016 se deu muito pela queda das importações", afirmou.

Jorge Jesus espera ganhar o dérbi do "desempate"
Quando os resultados não são tão positivos, a pressão é um pouco mais difícil de controlar, mas isso faz parte. O Benfica-Sporting, a contar para a jornada 16 do campeonato, realiza-se esta quarta-feira, às 21h30.

Nove reféns na cidade de Kharkiv libertados ilesos
O Presidente Petro Poroshenko recorreu ao Facebook para agradecer à polícia e à segurança nacional a eficácia da operação. As estações de televisão ucranianas transmitiram imagens do homem sendo levado para fora do prédio pela polícia.

As alegações foram lançadas por alguns meios de comunicação nos EUA, como a CBS e a NBC depois que a administração de Pyongyang anunciou que está se preparando para um novo teste de mísseis balísticos e a declaração de Kim Jong-un no Ano Novo de que tem um botão nuclear na sua mesa.

Sinal do aumento do controlo de Pequim e Pyongyang, apenas 1.127 norte-coreanos conseguiram chegar ao Sul no ano passado, um número que diminuiu 21% em relação a 2016 e o mais baixo desde 2001, sublinhou o Ministério para a Unificação sul-coreano.

À AFP, o Ministério sul-coreano da Unificação disse que a Coreia do Norte aceitou o seu convite para negociações presenciais esta sexta de manhã.

A primeira e mais conhecida linha de comunicação foi estabelecida em 1971, segundo a "Korea Exposé", em dois edifícios com menos de 100 metros de distância entre eles: um na Coreia do Sul, "House of Freedom" ("Casa da Liberdade") e outro nos escritórios de Panmungak, na Coreia do Norte.

Related news