"Vou amar-te para sempre", escreveu Rihanna ao primo abatido a tiro

"Vou amar-te para sempre", escreveu Rihanna ao primo abatido a tiro

Seu primo Tavon Kaiseen Alleyne, de 21 anos, com quem a cantora de 29 anos se reuniu em seu país de origem, foi assassinado um dia depois dos festejos natalinos.

Um dia depois do Natal, Rihanna sofreu um forte "baque" que abalou sua família. Abalada, ela foi até as redes sociais desabafar sobre a triste notícia: "Descanse em paz, primo..." Não consigo acreditar que ontem eu estava com você em meus braços. Nunca pensei que seria a última vez que eu sentiria o calor do seu corpo! "Vou amar-te sempre!", escreveu a cantora na legenda das fotografias onde surge abraçada ao familiar, partilhadas na sua conta do Instagram.

Liverpool contrata Virgil van Dijk em negociação recorde
O Manchester City era um dos principais concorrentes a fechar com o jogador, que agora vestirá a camisa 4. A informação é do jornal britânico "The Telegraph ".

Coreia do Norte classifica sanções da ONU como "ato de guerra"
A resolução aprovada reduz em 89% a capacidade da Coreia do Norte de importar produtos refinados do petróleo como gasolina e diesel.

EUA garantem corte de US$ 285 milhões no orçamento da ONU
Os Estados Unidos são os maiores contribuintes para o orçamento da ONU, fornecendo 22% do orçamento básico. O corte foi divulgado no último domingo (24) pela embaixadora do país na ONU, Nikki Haley.

"No final da mensagem, Rihanna acrescenta a hashtag "#endgunviolence", algo como "acabem com a violência com armas de fogo". Segundo informações do jornal britânico Daily Mail, o responsável pelo assassinato do primo da estrela não foi identificado. Tavon Kaiseen foi levado o hospital, mas não resistiu aos ferimentos e veio à óbito. A polícia está a investigar o crime.

Related news