Venezuela anuncia criação de uma criptomoeda para contornar sanções dos EUA

Venezuela anuncia criação de uma criptomoeda para contornar sanções dos EUA

Venezuela anuncia criação de uma criptomoeda para contornar sanções dos EUA

A 'El Petro' é uma moeda virtual apoiada, entre outras, nas reservas petrolíferas do país e lançada para lutar contra o "bloqueio financeiro" dos Estados Unidos.

A moeda virtual chavista, no entanto, deve ter várias diferenças básicas em relação à bitcoin, já que vai ser controlada e emitida por um país e será atrelada a um bem físico, como as reservas de petróleo. "A Venezuela vai criar uma moeda, a 'Petro', para progredir em matéria de soberania monetária, para realizar transações financeiras apesar do bloqueio financeiro", afirmou Nicolás Maduro.

O mandatário disse que o 'Petro' "será baseado em riqueza de petróleo, gás, ouro e diamantes".

A oposição reagiu com desdém ao anúncio, lembrando que a criação da moeda precisa ser aprovada pelo Congresso, algo que muitos consideram improvável.

Bombeiro furta caminhão e tenta invadir a Esplanada dos Ministérios em Brasília
Ao chegarem na Esplanada, tiros foram deparados contra os pneus do carro para que a fuga fosse descontinuada. A ideia inicial era acompanhar o veículo até que o combustível se esgotasse, para capturar o bombeiro.

Sporting 1 - 0 Belenenses
Na antevisão ao dérbi de hoje, Jorge Jesus confessou que não está preocupado com aquilo que vai acontecer no Dragão. Estou muito contente por estar de volta a Alvalade e contente com os três pontos também.

Saúde Municipal em luta contra HIV-AIDS, Sífilis e Hepatite
Para cada cinco meninos que convivem com a doença, são sete meninas da mesma idade que contraem o vírus. Em 2016, a proporção foi 22 diagnósticos confirmados em homens para cada 10 casos em mulheres.

"É o Maduro a ser um palhaço". No domingo, disse que a Venezuela está a enfrentar uma "guerra mundial" financeira.

Para a oposição, no entanto, a medida de Maduro não faz sentido. Em agosto, o presidente americano, Donald Trump, foi além e estendeu as sanções à petroleira venezuelana PDVSA.

Como o valor da electricidade é baixo, muitos venezuelanos dedicaram os seus investimentos em mineração de criptomoedas como por exemplo Bitcoin, contudo, é um risco com direito a pena de prisão. A criptomoeda é utilizada em compras na internet e para obter dólares, cuja compra é rigidamente controlada pelo governo Maduro.

Na Venezuela, o controlo da moeda e a excessiva impressão de dinheiro levou à desvalorização do bolívar em 57% face ao dólar só no no último mês e no mercado negro, amplamente utilizado. Com isso, o salário mínimo venezuelano afundou para meros US$ 4,30.

Related news