Governo tenta convencer aliados em reunião neste domingo — Reforma da Previdência

Governo tenta convencer aliados em reunião neste domingo — Reforma da Previdência

Governo tenta convencer aliados em reunião neste domingo — Reforma da Previdência

Entre os presidentes de partidos, participa do jantar o presidente interino do PSDB, Alberto Goldman.

Segundo a reportagem apurou, Temer falou da necessidade de siglas como DEM, PSD, PP, PR, PRB e PTB -todos com representantes no almoço do Palácio da Alvorada- se fortalecerem como bloco de centro-direita, capaz de lançar ou apoiar um nome que fure a polarização entre Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PSC), hoje líderes nas pesquisas eleitorais. O diálogo não ocorreu. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, deve assumir o comando do partido no próximo sábado e, com isso, acelerar a saída dos ministros tucanos do governo, em especial o de Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo). O mais cotado para o posto hoje é o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que tem cerca de 2% das intenções de voto, segundo o Datafolha.

De acordo com comensais, o presidente discutiu com aliados o apoio às reformas do governo.

ARA San Juan: La noticia más triste
El mismo pasó por Puerto Deseado y regresa a Comodoro Rivadavia, donde está establecida la base de operaciones de la Armada. En simultáneo, también se decidió que volviera a Comodoro el Didi-k, un barco uruguayo que estaba dando apoyo en la zona.

STJD concede efeito suspensivo apenas para Felipe Vizeu
O Superior Tribunal de Justiça Desportiva aceitou parcialmente o pedido de efeito suspensivo realizado pelo Flamengo . Já Vizeu sofreu uma sentença de quatro jogos por ato desleal e conduta contrária à disciplina.

Sporting 1 - 0 Belenenses
Na antevisão ao dérbi de hoje, Jorge Jesus confessou que não está preocupado com aquilo que vai acontecer no Dragão. Estou muito contente por estar de volta a Alvalade e contente com os três pontos também.

Como previsto, Rodrigo Maia não pautou para a semana que vem a votação da reforma da Previdência na Câmara. O Planalto aposta que bons índices econômicos no primeiro trimestre podem fortalecer um candidato comprometido com sua agenda.

A última jogada do governo será no próximo domingo (3), em um jantar na casa do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), com líderes da base, presidentes dos partidos e ministros da equipe econômica para conseguir o apoio necessário no Congresso Nacional.

A equipe do presidente não deve ceder aos três pontos que o PSDB pediu que fossem incluídos no texto da nova Previdência.

Related news