Ferrari avisa que ameaça de deixar a F1 "é séria"

Ferrari avisa que ameaça de deixar a F1

Ferrari avisa que ameaça de deixar a F1 "é séria"

A Ferrari, que é a única equipe que compete na Fórmula 1 desde a temporada inaugural de 1950, já usou no passado como uma ferramenta de pressão a possibilidade de se afastar da categoria para conseguir políticas que beneficiem seus interesses. Durante o evento de lançamento da parceria entre a Sauber e a Alfa Romeo, Marchionne afirmou que a ameaça da Ferrari é "séria", mas destacou que já existem conversações para se chegar a um acordo: "As conversas já começaram e vão continuar a evoluir".

No início de novembro, Sergio Marchionne ergueu a voz e colocou na mesa uma possível saída da Ferrari da Fórmula 1 antes que o plano de motores que Liberty criou entrre em vigor em 2021, além da intenção dos proprietários da categoria de retirar certos privilégios econômicos da Ferrari e imponha um limite de orçamento entre as equipes. Os motores serão as unidades que a Ferrari terá em produção em 2018, segundo informação da marca italiana.

Ligue 1: Strasbourg fait chuter le PSG à la Meinau!
Pour affronter les RCSA , Unai Emery pourrait faire quelques changements en vue de la rencontre face aux Bavarois mardi prochain. Les Parisiens ont ensuite dominé avant de revenir au score sur un but de Kylian Mbappé . " Strasbourg a fait son match".

Saúde Municipal em luta contra HIV-AIDS, Sífilis e Hepatite
Para cada cinco meninos que convivem com a doença, são sete meninas da mesma idade que contraem o vírus. Em 2016, a proporção foi 22 diagnósticos confirmados em homens para cada 10 casos em mulheres.

Após "folgão", Renato e Grêmio discutem renovação de contrato para 2018
Para o jogo, o time será completamente alternativo e nem o técnico Renato Gaúcho vai para a capital mineira. A conquista do tri da América elevou Renato para a história do futebol brasileiro.

"Nós temos que encontrar uma solução que seja boa para a categoria, mas também temos que ser claros sobre as coisas que não podemos comprometer".

O acordo inclui cooperação estratégica, comercial e tecnológica para o desenvolvimento de todas as áreas envolvidas na F1, incluindo o acesso à engenharia e à experiência técnica da equipa da Alfa Romeo. Por sua vez, Leclerc, aposta da Ferrari, é o atual campeão da Fórmula 2. "A ameaça de que a Ferrari vai abandonar a Fórmula 1 é séria", reiterou Sergio Marchionne.

Related news