Apple pede desculpas por limitar o desempenho de iPhones 6s e 7

Apple pede desculpas por limitar o desempenho de iPhones 6s e 7

Apple pede desculpas por limitar o desempenho de iPhones 6s e 7

A companhia teve que se desculpar publicamente aos consumidores após usuários descobrirem que ela reduz o clock dos processadores de smartphones antigos através de atualizações do sistema operacional. Há algumas semanas, usuários começaram a lotar os tópicos no Reddit comentando a possibilidade de a empresa afetar propositalmente o desempenho dos processadores de iPhone 6 e 6s, com a finalidade de ocultar defeitos da bateria.

Apple admitiu redução da velocidade de aparelhos mais antigos. "Sabemos que alguns de vocês sentem que a Apple vos desiludiu".

Com o pedido de desculpa da Apple devido ao escândalo dos iPhones lentos, a Samsung e LG vieram dizer que os seus equipamentos não ficam lentos, pois não sofrem de nenhum tipo de gestão que prejudique a sua performance. Pedimos desculpas. Houve muitos desentendimentos sobre esse assunto, então gostaríamos de nos clarificar e deixar vocês saberem as mudanças que faremos.

"Trágico" incêndio em Nova Iorque provoca 12 mortos
Há 10 dias, uma mulher e seus três filhos morreram em um incêndio em sua residência no Brooklyn, outro bairro de Nova York . O fogo deflagrou no primeiro andar, acrescentou o comissário, e depois foi ganhando dimensão, subindo até ao quinto andar.

Salário mínimo será de R$ 954 a partir de segunda-feira (1°/1)
No entanto, até novembro, o valor acumulado do ano está em 1,8%, exatamente o reajuste do mínimo previsto no decreto presidencial. Oíndice fechado será divulgado apenas em janeiro, e isso deu ao governo a liberdade de estimar qual foi a variação da inflação.

WhatsApp vai deixar de funcionar em várias plataformas
Se você ainda usa o WhatsApp num smartphone com sistema Windows, é hora de dar adeus ao app - ou usá-lo de forma "irregular". Isto porque a app deixará de funcionar em qualquer smartphone que não tenha os referidos sistemas operativos.

Em relação às acusações de estar praticando a chamada "obsolescência programada" - quando uma empresa coloca uma "data de validade" num eletrônico, forçando o consumidor a comprar um novo depois de um curto espaço de tempo - a Apple afirma que "nunca fez nada para encurtar intencionalmente a vida de qualquer produto da Apple, ou degradar a experiência do usuário para impulsionar as atualizações dos clientes". "Nosso objetivo sempre foi criar produtos que nossos consumidores amem, e fazer iPhones durarem o máximo possível é uma parte importante disso", diz a empresa. No entanto, o problema de desligamento inesperado foi reduzido significativamente.

A empresa também percebeu o envelhecimento químico contínuo das baterias dos iPhones mais antigos.

Agora, o valor da troca da bateria fora da garantia caiu de US$ 79 para US$ 29. O serviço poderá ser usado durante todo o ano de 2018. "Nós nunca vamos parar de trabalhar para conquistar e mantê-la".

Related news