Governo fala em "avanços no sentido de um potencial acordo" — Professores

Governo fala em

Governo fala em "avanços no sentido de um potencial acordo" — Professores

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) promete "a maior greve da década" para amanhã. Mas têm também dialogado entre si no sentido de articularem novas ações de luta caso o governo não recue nesta matéria.

Durante as duas próximas semanas, até dia 27 de novembro, os docentes poderão fazer greve à primeira hora de trabalho como forma de protesto ao descongelamento da carreira docente previsto no Orçamento do Estado (OE). Sindicatos e Governo voltam a reunir-se na próxima quinta-feira, mas a greve marcada para quarta-feira mantém-se. "E estou convicto de que [a paralisação de amanhã] vai ser uma greve de professores como há muito não se vê".

Sistema de pagamento Android Pay chega ao Brasil
O Android Pay , serviço de pagamentos móveis do sistema do Google , foi finalmente lançado no Brasil nesta terça-feira (14). No Android Pay , compras de até 49 reais não solicitam uma confirmação de segurança, como um código por SMS.

Huck terá de deixar a Globo caso entre na política
Nas atuais pesquisas presidenciais, ela fica em terceiro lugar, perdendo apenas para Lula (PT) e Bolsonaro (PSC). A informação é da coluna Radar, da Veja .

Equipe Mercedes é assaltada em Interlagos e Hamilton reclama: "Acontece sempre"
Não é certo dizer 'nesse fim de semana tem que todas as polícias ajudando'. O mutirão vai terminar somente na madrugada de segunda-feira.

"No seguimento das reuniões realizadas hoje entre a secretária de Estado da Administração e Emprego Público, a secretária de Estado Adjunta e da Educação, a Federação Nacional dos Professores (Fenprof) e a Federação Nacional da Educação (FNE), o Governo regista avanços no sentido de um potencial acordo negocial", lê-se num comunicado a que o Notícias ao Minuto. "Não tenho dúvida nenhuma a esse respeito".

Related news