Duterte cantou uma canção de amor, a pedido de Trump

Duterte cantou uma canção de amor, a pedido de Trump

Duterte cantou uma canção de amor, a pedido de Trump

Esta é a última etapa da longa viagem do presidente americano, que incluiu cinco países da Ásia.

Donald Trump adicionou ao seu "catálogo pessoal de apertos de mão estranhos" com outros líderes mundiais um novo episódio, revela o The Independent.

Durante um breve encontro com os jornalistas, Trump afirmou que tem "uma ótima relação" com Duterte, evitando responder sobre se mencionou a questão dos direitos humanos.

A dupla deu poucas declarações à imprensa, ignorando, em particular, os temas sobre direitos humanos. "Não pode suportar um confronto violento", acrescentou o presidente filipino.

Depois, falou do tempo: "Nas Filipinas, o tempo sempre acaba sendo bom.".

Quando um repórter perguntou a Trump se ele abordaria os direitos humanos na reunião, Duterte disse: "Ei, ei".

"Rodrigo, quero lhe agradecer por sua extraordinária hospitalidade", elogiou Trump, um pouco mais tarde, em uma mesa-redonda, exibindo a afinidade de interesses entre os dois.

As relações entre Washington e Manila - dois aliados unidos por um acordo de defesa - degradaram-se de forma considerável desde que Duterte foi eleito em junho de 2016.

Estudantes começam a deixar locais de prova do Enem
Os aparelhos terão de ser colocados em um porta-objetos com lacre, que deverá ficar embaixo da cadeira até o fim das provas. Até o ano passado, as provas eram realizadas em um único fim de semana, sábado e domingo.

Star Wars vai ter nova trilogia [vídeo]
"Ele é uma força criativa e vê-lo criar Os Últimos Jedi do início ao fim foi uma das maiores alegrias da minha carreira". A Eletronic Arts revelou a data de lançamento do DLC gratuito de The Last Jedi em Star Wars: Battlefront 2.

Aécio reassume a presidência do PSDB para destituir Tasso Jereissati
Aécio respondeu: "Essa decisão é absolutamente normal, feita com absoluta serenidade, ouvindo vários setores do partido". Com isso, o senador Tasso Jereissati, que estava como presidente interino do PSDB , foi retirado do cargo.

A relação de Duterte com Trump é bastante melhor do que a relação - ou falta dela - que Duterte tinha com o anterior presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, o qual mandou "para o inferno". Duterte é um presidente envolvido em polêmicas.

Já Harry Roque, porta-voz de Duterte, disse que os direitos humanos e execuções extrajudiciais não foram abordados na reunião.

Rompendo com uma tradição dos líderes norte-americanos, Trump deixou de pressionar líderes estrangeiros em público sobre questões relativas aos direitos humanos.

Duterte lançou uma sangrenta guerra contra as drogas e frequentemente vangloria-se de ter matado pessoas.

Mais de 3.900 suspeitos foram já abatidos pela polícia.

- 'Trump go home' -Nestas segunda e terça-feiras, as Filipinas organizam uma cúpula da Asean.

Aconteceu durante um jantar de gala, este domingo, antes do início oficial da 31ª cúpula da Associação das Nações do Sudeste Asiático.

"O terrorismo e o extremismo põem em perigo a paz, a estabilidade e a segurança da nossa região, pois essas ameaças não conhecem fronteiras", alegou Duterte hoje, em seu discurso de abertura da cúpula.

Related news