Acredite se quiser, Osama Bin Laden tinha vídeos brasileiros em seu computador

Acredite se quiser, Osama Bin Laden tinha vídeos brasileiros em seu computador

Acredite se quiser, Osama Bin Laden tinha vídeos brasileiros em seu computador

A CIA, Agência de Inteligência Central americana, divulgou nesta semana uma lista de arquivos encontrados em um computador pessoal do fundador da al-Qaeda, Osama Bin Laden, e alguns deles chamaram atenção.

O material inclui 79 mil arquivos de áudio e imagens com discursos políticos, ensaios e fotos da Al Qaeda. A biblioteca virtual pode ser acessada diretamente no site da Cia.

"A revelação de hoje dá a oportunidade ao povo americano de obter mais informações sobre os planos e trabalhos dessa organização terrorista", disse o diretor da CIA, Mike Pompeo, que provavelmente não estava se referindo aos desenhos animados ou às aulas de crochê quando fez o comentário.

Mulher corta pênis de marido com estilete
A mulher foi autuada em flagrante por lesão corporal e recolhida à carceragem da delegacia da cidade. Por ter perdido muito sangue, o paciente seguiu para a Unidade de Terapia Intensiva ( UTI ).

Fiéis ficam feridos após parte de ponte ceder em Laranjal
As vítima do acidente, conforme o Corpo de Bombeiros, foram atendidas em hospitais de Laranjal , Leopoldina e Muriaé. A ponte teria sido construída especificamente para atender ao evento.

Imprensa americana divulga imagens do suspeito de ter cometido ataque
No entanto, a polícia sustenta que o homem agiu sozinho e que está investigando qualquer ligação externa do suspeito. O ministro Matthieu Branderssay informou que há três cidadãos ainda hospitalizados.

Bin Laden tinha até filmes de Hollywood como Carros, Os Novos Vingadores: Heróis do Amanhã, O Galinho Chicken Little e Resident Evil. Bin Laden possuía ainda documentários sobre si mesmo, como "Onde no Mundo Está Osama Bin Laden?", de 2008, e "Nos Passos de Bin Laden", produzido pela rede de televisão norte-americana CNN. Os documentos antigos também estão disponíveis para acesso do público.

Vale lembrar que Osama Bin Laden foi morto em uma operação militar estadunidense 2011, dez anos após o atentado que ele organizou contra as as torres gêmeas em Nova Iorque e contra o Pentágono, em Washington.

Related news