Ricardo Salgado foi 'boia de salvação' para processo a afundar-se

Ricardo Salgado foi 'boia de salvação' para processo a afundar-se

Ricardo Salgado foi 'boia de salvação' para processo a afundar-se

O Ministério Público deduziu, finalmente, acusação a 28 arguidos no âmbito da Operação Marquês, sendo que o prazo para apresentar este despacho final terminaria a 20 de novembro.

Na conferência que teve lugar na manhã desta quinta-feira no hotel Sana, em Lisboa, Salgado manteve-se em silêncio.

No comunicado lido à imprensa, a defesa de Salgado confirmou que o ex-banqueiro "foi notificado, ainda que irregularmente, da acusação relativa à Operação Marquês".

O advogado sublinhou também que "o nome do dr Ricardo Salgado só recentemente apareceu referido", tendo sido "uma espécie de bóia de salvação para um processo que se estava a afundar".

Madrasta de Isabella Nardoni deixa presídio na 'saidinha' de Dia das Crianças
Com a saída, ela aproveitará para passar o Dia das Crianças com os dois filhos, de 10 e 12 anos, que moram com os familiares. De acordo com informações doG1, essa é a primeira vez que a detenta deixa a prisão desde a concessão do regime semi aberto .

Uruguai vence, Peru e Colômbia empatam e Paraguai tropeça contra o lanterna
O empate em 1 a 1 entre Peru e Colômbia , ocorrido na noite desta terça-feira (10), foi bom para os dois países. Martin Cáceres, Cavani e Luis Suárez, duas vezes, fizeram para o Uruguai .

Austrália acabou com o sonho da Síria
Por conta da guerra civil no país árabe desde 2011, a seleção nacional é obrigada a mandar suas partidas na Malásia. Cahill, de cabeça, fez 2 a 1 para os donos de casa no início do segundo tempo da prorrogação ( veja abaixo ).

"O segundo motivo tem a ver com o seguinte: apesar de termos sido incentivados para comentar publicamente este caso por comunicados oficiais da Procuradoria-Geral da República" e também "por pessoas que já tiveram e têm responsabilidades relevantes no Ministério Público e nos órgãos de comunicação social" que, de algum modo, glorificaram "esta acusação, nós entendemos que não podemos ter esta acusação" porque "os factos, as provas e o direito numa democracia só podem ser discutidos no local próprio e esse local próprio é só um: um tribunal".

O advogado realçou que Salgado sempre colaborou, estando ao dispor das autoridades e que "o respeito institucional tem-se mantido, apesar das múltiplas violações dos seus direitos".

Destacou que as "suposições e presunções" não têm "qualquer suporte" e insistiu na "presunção de inocência" de Salgado.

O antigo presidente do BES Ricardo Salgado e o empresário Helder Bataglia deverão pagar ao Estado cerca de 1,5 milhões de euros, enquanto José Diogo Gaspar Ferreira, Oceano clube - empreendimentos turísticos do Algarve e Vale de Lobo - Resort Turístico de Luxo devem ser condenados a pagar solidariamente mais de 53 mil euros. O ex-presidente do Banco Espírito Santo foi, na última quarta-feira, acusado de 21 crimes, entre os quais um crime de corrupção ativa de corrupção ativa de titular de cargo político, dois de corrupção ativa, nove de branqueamento de capitais, três de abuso de confiança, três de falsificação de documentos e mais três de fraude fiscal qualificada.

Related news