Chuva de estrelas cadentes ilumina o céu neste fim de semana

Chuva de estrelas cadentes ilumina o céu neste fim de semana

Chuva de estrelas cadentes ilumina o céu neste fim de semana

O fenômeno, conhecido como chuva de meteoros Oriônidas, ocorre todo ano nessa mesma época, no mês de outbro, quando o planeta Terra passa pela mesma trajetória dos pedaços do cometa Halley. O show celestial, que está sendo alertado até pelo Facebook, deve continuar até o dia 22 de outubro, ou seja, tem espetáculo todos os dias deste fim de semana.

Anápolis é uma das cidades que poderá assistir a chuva de meteoros Oriônidas a partir desta sexta-feira (20).

De acordo com informações do Grupo de Astronomia de Pernambuco (Astope), as chuvas de meteoro estão associadas, geralmente, aos cometas, "pois esses corpos celestes deixam para trás de suas trajetórias uma faixa de detritos". O melhor momento para observação está previsto entre a meia-noite e a uma da madrugada porque é nas primeiras horas da manhã que a translação da Terra a coloca na região onde estão os detritos. Deverão cair entre 16 e 27 meteoros por hora que poderão ser vistos na região Centro-Oeste.

Santana Lopes apresenta-se para "unir" com fortes críticas a Rui Rio
Mas Santana Lopes respondeu igualmente às correntes que desvalorizam quem já perdeu eleições e que colocam em causa a sua escolha em virtude do seu passado político.

Trump mostrará archivos secretos sobre el asesinato de Kennedy
Kennedy en 1963, que han permanecido por décadas en secreto , alimentando variadas teorías conspirativas . El Congreso estipuló que los documentos secretos serán divulgados antes del 26 de octubre.

Homem esfaqueia quatro pessoas na cidade alemã de Munique
Atualizado às 11h - Um homem feriu oito pessoas a faca na cidade alemã de Munique antes de fugir neste sábado, 21. O suspeito tentou golpear cinco pessoas - quatro homens e uma mulher - mas apenas quatro ficaram feridas.

Poluição e luminosidade, principalmente nas grandes cidades, atrapalhar a vista. Pois a Lua estará na fase crescente, com pequena fração iluminada. Por isso, esta noite apenas 1% da superfície da Lua vai ser visível no céu, o que ajudará à observação noturna das estrelas cadentes. Pois, a claridade do luar sobre a atmosfera diminui a visualização de meteoros menos brilhantes, reduzindo assim, o aproveitamento da observação do fenômeno. Quem não puder acompanhar o fenômeno, pode acessar as imagens no site da Bramon. Se o local for escuro como recomendado use uma lanterna de luz vermelha, para evitar ofuscamento pela luz branca. Você pode fazer o mesmo em seu smartphone.

Para ver o fenômeno, não é necessário utilizar binóculos ou telescópios. Os maranhenses poderão observar a chuva a olho nu.

Related news