Argentina tem 43,3% de chances de ir à Copa

Argentina tem 43,3% de chances de ir à Copa

Argentina tem 43,3% de chances de ir à Copa

Isso porque se o time de Tite perder do Chile, a Argentina pode ficar de fora do Mundial. Na terça-feira (10), quando ocorre a última rodada das Eliminatórias, a seleção de Messi enfrenta o já eliminado Equador, no Olímpico Atahualpa, em Quito. E, para conseguir uma vaga direta entre os quatro primeiros colocados, além da vitória sobre o Equador, os argentinos tem que torcer por vitória do Brasil sobre o Chile (26 pontos) no Allianz Parque, em São Paulo, ou então por um empate entre Peru (com 25 pontos) e Colômbia (26 pontos) em Lima.

Os colombianos caíram para o quarto posto, ainda um ponto à frente de Peru e Argentina, que empataram no La Bombonera, num embate em que Messi foi quem mais tentou desfazer o 'nulo', só que o guarda-redes Pedro Galesse mostrou-se intransponível.

Ricardo Soares deixa o comando do Desportivo das Aves
Lito Vidigal é o sucessor de Ricardo Soares no comando técnico do Desportivos das Aves. O treinador angolano está sem clube, depois de ter sido demitido do Maccabi Telavive.

Juliana Paes é hostilizada em posto de gasolina no Rio de Janeiro
De acordo com o "Notícias da TV", Bibi vai se entregar para a polícia por ter incendiado o restaurante de Dantas (Edson Celulari). Além da gravação por lá, Juliana fez cena ao lado de Carine ( Carla Diaz ), onde as duas se enfrentam novamente.

WhatsApp revela novo design para seus emojis; confira
Esses emojis foram introduzidos em junho de 2016 como uma tentativa de padronizar a experiência de comunicação dentro do Messenger.

Após mais um tropeço nas Eliminatórias Sul-Americanas, a coletiva de Jorge Sampaoli foi marcada por muita tensão. Vamos seguir buscando como buscamos hoje, como buscamos contra a Venezuela, como foi contra o Uruguai e seguramente vamos encontrar. Já a seleção peruana vive a expectativa de se classificar para Copa do Mundo depois de 36 anos, ou seja, depois de 8 Copas.

Nesta altura a Argentina ocupa o sexto lugar, fora da zona de apuramento e dia 11 tem o jogo decisivo para carimbar a presença na Rússia no próximo ano. Além de vencer a Venezuela, os paraguaios precisaram que Peru e Colômbia empatem e, nesse cenário, tirar a desvantagem de saldo de gols. A derrota ainda não acabaria com as esperanças dos comandados de Sampaoli. Dos que ainda sonham, a probabilidade é a segunda maior, com a Colômbia tendo 51,1% - o Uruguai não entra na conta por já estar ao menos garantido na repescagem.

Related news