Número de refugiados no Brasil aumentou quase 10% no último ano

Número de refugiados no Brasil aumentou quase 10% no último ano

Número de refugiados no Brasil aumentou quase 10% no último ano

O segundo é o deslocamento de pessoas dentro de seus próprios países, que ao final de 2016 totalizou 40,3 milhões em comparação aos 40,8 milhões no ano anterior.

O número de pessoas forçadas a deixar seus locais de origem por causa de conflitos, perseguições, violência ou violações de direitos humanos chegou a 65,6 milhões no final de 2016, o maior da história, segundo relatório divulgado pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur) nesta segunda-feira (19).

Como observa o relatório, 84% dos refugiados vivem em países de renda baixa ou média e um em cada três (4,9 milhões) é acolhido por países menos desenvolvidos. Isso equivale a 1 pessoa se tornando deslocada interna a cada 3 segundos - menos tempo do que se leva para ler essa frase. Dois terços são deslocados internos, no seu próprio país (40,3 milhões contra 40,8 milhões em 2015).

O relatório diz também que, em 2016, 2,8 milhões de pessoas pediram formalmente refúgio em outros países.

O conflito na Síria, que está no seu sétimo ano, é a maior fonte de refugiados do mundo, com 5,5 milhões que fugiram do país. O maior salto se deu entre 2012 e 2015, por causa da guerra da Síria.

Ainda de acordo com o Relatório Global Sobre Deslocamento Forçado em 2016, do total de 65,6 milhões de deslocados e refugiados, 10,3 milhões foram forçados a deixar seus lares pela primeira vez (15,7%).

Rússia estreia contra Nova Zelândia — Copa das Confederações
A Rússia estreou com vitória em sua Copa das Confederações , mas isso não é motivo para uma onda de alegria invadir o país. Ao menos neste sábado, no entanto, a seleção foi apoiada ao longo dos 90 minutos e buscou o resultado com uma boa atuação.

Polícia prende homem armado com uma faca diante do Parlamento britânico
A polícia londrina deteve um homem nas imediações do Parlamento britânico, esta sexta-feira, por suspeita de ter uma faca. Até ao momento, não são conhecidas as motivações do suspeito.

Sorteio dos duelos das oitavas da Libertadores será nesta quarta
O desempenho na fase de grupos também valerá como critério para definição da ordem dos mandos de campo nas fases seguintes. A Conmebol divulgou, nesta sexta-feira, as datas e horários dos jogos da segunda fase da Copa Sul-Americana.

Com o prosseguimento da guerra, os recursos necessários para a ajuda humanitária diminuem, informou Grandi, ao lamentar que muito pouco foi repassado ao ACNUR dos bilhões de dólares prometidos pelos doadores internacionais na conferência de Bruxelas em abril.

Segundo o ACNUR, verifica-se uma rápida deterioração da situação no Sudão do Sul, "depois do catastrófico fracasso dos esforços de paz em julho". Desde 2010, o número de refugiados no Brasil teve aumento de 148%. A Turquia é o país que mais abriga refugiados, com 2,9 milhões.

Mas o relatório também cita deslocamentos importantes no Afeganistão, Iraque e Sudão, entre outras nações.

Em números totais, de refugiados e deslocados internos, a Síria tem o maior número de pessoas que foram obrigadas a deixarem os locais onde viviam, com 12 milhões de pessoas nessa situação.

"Sob qualquer ângulo, esse é um número inaceitável e evidencia mais do que nunca a necessidade por solidariedade e de um objetivo comum em prevenir e resolver as crises, e garantir de forma conjunta que os refugiados, deslocados internos e solicitantes de refúgio de todo o mundo recebam proteção e assistência adequadas enquanto as soluções estejam sendo estabelecidas", afirmou o Alto Comissário da ONU para Refugiados, Filippo Grandi.

Related news