Trump ameaça cancelar coletivas de imprensa após controvérsia sobre FBI

Trump ameaça cancelar coletivas de imprensa após controvérsia sobre FBI

Trump ameaça cancelar coletivas de imprensa após controvérsia sobre FBI

Trump não descarta substituir o porta-voz Sean Spicer, que retornou nesta sexta-feira a uma entrevista coletiva após dois dias fora para cumprir obrigações com a Marinha.

Na sua conta de Twitter, Donald Trump escreve mesmo que "os democratas" afirmaram no passado que Comey devia ser dispensado.

A oposição democrata e até mesmo alguns congressistas republicanos consideram que a decisão de demitir Comey representa um "abuso de autoridade" do presidente e que foi uma tentativa de abafar as investigações do FBI sobre os contatos entre a equipe de campanha de Trump e a Rússia.

Um facto novo neste escândalo - que tem todas as propriedades para crescer e ameaçar a Administração - foi adiantado pelo New York Times: nas últimas semanas James Comey pediu mais meios e mais pessoas para aprofundar a investigação às alegadas ligações da campanha de Trump ao Kremlin, o que já foi desmentido pela Casa Branca.

"Como diretor do FBI, James Comey sempre foi bastante independente, sendo complicado controlá-lo".

Fonte: http://www.em.com.br/app/noticia/internacional/2017/05/12/interna_internacional, 868408/trump-perguntou-ao-ex-diretor-do-fbi-se-era-alvo-de-investigacao.shtml .

Moro e Lula estão pela primeira vez frente-a-frente — Brasil
Porém, durante os interrogatórios, apenas os envolvidos têm acesso à sala e um servidor que elabora a ata do depoimento. Para não aumentar ainda mais o calor das ruas, o depoimento de Lula não contará com trasmissão ao vivo.

No Piauí, apenas 10% do público-alvo se vacinou contra a gripe
Assim como os outros mencionados, o novo caso também está relacionado a usuário vacinado no posto Medianeira, no dia 27 de abril. Ainda segundo a pasta, foram 60 milhões de doses do medicamento, garantindo estoque suficiente para a vacinação em todo o país.

Anac libera o uso de drones no Brasil
As forças de segurança pública também podem atuar, tendo em vista que algumas condutas podem ser contravenção penal ou crime. Extenso, o regulamento será disponibilizado na íntegra para o público a partir de amanhã no site da Anac .

Trump afirmou a Comey na carta que aceitou a recomendação do secretário de Justiça, Jeff Sessions, de que ele não poderia mais proporcionar liderança efetiva. O diretor do FBI teria dito que o presidente não estava sendo investigado. "O despedimento de Comey mostra o quão profundamente assustada está a administração Trump com a investigação sobre a Rússia", disse o senador democrata Tim Kaine à NPR.

Vinte e quatro anos depois de Bill Clinton ter demitido um diretor do FBI - William Sessions foi afastado pelo então presidente democrata em 1993, devido à utilização indevida de dinheiros públicos -, volta a cair um responsável máximo pela agência federal de investigação policial norte-americana.

Em janeiro agências de inteligência dos EUA concluíram que o presidente russo, Vladimir Putin, ordenou uma campanha de interferência na eleição com o objetivo de fazer a votação pender a favor de Trump.

"O Presidente Trump manifestou o seu interesse em relançar as relações de trabalho pragmáticas e mutuamente benéficas" com a Rússia, declarou Lavrov, que classificou de "invenção" as alegações de ingerência russa na eleição americana. Com sua saída, o órgão será interinamente comandado pelo seu vice, Andrew McCabe.

O momento e a forma repentina da demissão de Comey são altamente suspeitos, para dizer o mínimo.

Related news