Bruxelas "satisfeita" com trajetória do défice português, decisão "em breve" - Moscovici

Bruxelas

Bruxelas "satisfeita" com trajetória do défice português, decisão "em breve" - Moscovici

As estimativas de Bruxelas apontam para um défice orçamental de 1,8% em 2017 e de 1,6% em 2018, acima (em 0,4 pontos percentuais) das metas de 1,5% para este ano e de 1% para o próximo (em 0,6 pontos percentuais), definidas pelo Governo no Programa de Estabilidade.

A economia do Reino Unido, que não integra a Eurozona, deve registrar crescimentos de 1,8% em 2017 (+0,3 na comparação com as últimas previsões) e de 1,3% (+0,1) em 2018, segundo as projeções de Bruxelas.

Agora, a Comissão Europeia alinha a sua estimativa com a do Governo, que também prevê, segundo o Programa de Estabilidade 2017-2021, que o PIB cresça 1,8% este ano, mas mostra-se menos otimista para o ano seguinte. Admite, contudo, um abrandamento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2018.

Assumindo por hipótese um cenário sem mais medidas de política para 2018, o défice orçamental deverá mcontinuar a "deteriorar-se ligeiramente" para 1,9% em 2018, e o mesmo acontecerá no défice estrutural, estimam os economistas de Bruxelas, que avisam que "os riscos para as perspectivas orçamentais estão enviesadas para o lado negativo".

"Depois de uma performance forte na segunda metade de 2016, o crescimento económico de Portugal deve aumentar ainda mais em 2017, antes de abrandar em 2018", refere a Comissão.

A Comissão Europeia afirma que as vulnerabilidades da economia portuguesa a fatores externos ainda é elevada e que a banca ainda enfrenta desafios, fatores que podem prejudicar o crescimento projetado. Nas previsões de inverno, a Comissão acreditava que a economia portuguesa avançaria apenas 1,6% este ano e 1,5% no próximo ano.

Morreu o escritor Armando Baptista-Bastos aos 83 anos
Baptista-Bastos trabalhou também na Rádio e Televisão Portuguesa, no Rádio Clube Português, na Rádio Comercial e na RDP-Antena 1. Meio ano depois, acabaria também despedido da RTP, então por vontade de Moreira Baptista, secretário nacional da Informação.

INGLÊS: Arsenal encerra invencibilidade do United e ainda sonha com a Champions
Na antevisão, Mourinho disse mesmo que Wenger ficaria "muito feliz" quando soubesse qual formação inicial do Manchester United. E a equipa de Manchester ainda matutava no infortúnio, quando recebeu o golpe de misericórdia, três minutos depois.

Votação da reforma da Previdência na Câmara deve ocorrer em maio — Meirelles
Os cerca de 25% de perda da economia em relação ao projeto esperado estavam dentro da margem prevista pelo Planalto, completou. Com isso, segundo o ministro, os investimentos do governo com infraestrutura representaram apenas 1% do PIB.

A exportação de bens "também está a beneficiar de uma procura maior" pelos parceiros comerciais, enquanto as importações "devem crescer mais rapidamente do que as exportações devido à recuperação do investimento".

A Comissão Europeia antevê uma descida continuada da taxa de desemprego em Portugal, que deverá ficar abaixo dos 10% este ano e ficar próxima de quebrar em baixa a barreira dos 9% em 2018.

Nesse sentido, afirma, prevê-se que o investimento em construção continue a aumentar, particularmente este ano, "devido a uma recuperação forte no investimento público e a uma subida gradual na construção de propriedades privadas".

O dinheiro injetado na Caixa é também a razão apontada para o aumento da dívida publica em 2016 (130,4%).

Numa primeira análise às novas projeções, o comissário europeu dos Assuntos Económicos, Pierre Moscovici, atribui o quinto ano consecutivo de retoma económica europeia a "políticas monetárias favoráveis ao regresso ao crescimento", à "confiança sólida das empresas e dos consumidores" e à "evolução do comércio mundial".

Related news